a vida é feita de momentos, o presente, momento presente, iPhone, viva o presente, eu amanha, autoconhecimento, coaching, alta performance, qualidade de vida, vida com propósito, propósito

Viver o Presente: o que um iPhone me ensinou sobre isso.

Eu costumava ser uma pessoa bem, bem desatenta com algumas coisas, coloca as chaves em cima do primeiro lugar que visse e depois não sabia onde estava, levava o celular para a cozinha, abria o armário, deixava lá porque me lembrava de outra coisa para fazer e depois não sabia onde o havia deixado. Você já passou por alguma situação assim? Ou então, dirigir até algum lugar e ao chegar, nem se lembrar direito como chegou lá, os detalhes do caminho?

Desde que comecei a prestar mais atenção ao momento presente e vivê-lo plenamente, isso começou a diminuir bastante. Mas, essa semana eu perdi o meu iPhone. E não me lembrava de onde o havia deixado de jeito nenhum! Se ele tinha caído da minha bolsa ou havia deixado em algum outro lugar…

Essencialmente por conta dessa atenção em viver o presente, saber que havia perdido o celular dessa forma, me aborreceu de um jeito bem intenso.

E isso me fez pensar no valor, no peso que estava dando para a situação, que me pareceu exagerado demais! Tenho treinado o desapego de coisas materiais e simplificado a minha vida já há algum tempo, então, apesar do valor financeiro do aparelho, comecei a investigar o que mais estava por trás desse sentimento ruim que estava vivendo.

É uma reflexão que precisamos fazer sempre que vivenciamos uma emoção negativa. Elas surgem quando alguma coisa está errada. Qual a razão de estar me sentindo daquela maneira? O que realmente está provocando o sentimento ruim? O que me impede de viver uma emoção positiva no lugar desta negativa?

Quando refletimos desta forma, começamos a nos conhecer melhor e às vezes nos deparamos com verdades que ficamos escondendo de nós mesmos! O que só nos atrapalha. Não se engane. Não falar a verdade para você mesmo, só vai te atrapalhar.

Também começamos a entender algumas respostas/reações automáticas que temos. Isso nos dá mais lucidez e consequentemente conduz a comportamentos e decisões mais acertadas.

Quer saber o final da história? Bom, eu achei o iPhone. Um dia depois. Atrás do notebook no meu escritório. E eu nem me lembrava de tê-lo colocado ali. É…preciso estar mais atenta ao momento presente.

Baixe o GUIA DEFINITIVO DE MEDITAÇÃO

e encontre o método perfeito para você, SEM

que você precise sair de casa ou ter muito

tempo para praticar (apenas 7 minutos por dia!)

meditação, como meditar, mais concentração, mais foco, mais produtividade, como aprender a meditar, onde meditar

Faça a sua escolha e inclua a meditação de vez em sua vida!